Como evitar bolhas nos esmaltes

E por falar em esmalte…

Se tem uma coisa que me tira do sério é quando eu acabo de fazer a unha, levanto os dedinhos para olhar o resultados e tcharam: unha cheia de bolinhas.

Minha vontade sempre é tirar o esmalte e começar tudo de novo, o que acontece grande parte das vezes [pouca vezes a preguiça me derruba]. Mas revoltada mesmo eu fico quando as bolhas aparecem de novo. Ai já viu, sobra para a unha, para o vento, para o esmalte e mais qualquer coisa que esteja no caminho da unha maravilhosamente pintada.
[imagem ilustrativa, não é dessa vez que vocês verão meus dedinhos por aqui. rs]

Por isso, em nome de todas as pessoas que assim como eu se revoltam com essas bolhas, vou apresentar um pequeno [e dessa vez é pequeno mesmo] guia de como evitar que elas apareçam.

1) Não agite o vidrinho do seu esmalte [quando sacudimos o esmalte criamos várias bolhas que não ficam nítidas, mas existem] . Deslize-o pelas palmas das mãos, imitando o movimento de quando se sente frio e quer esquentar as mãos.

2) Evitem esmaltes que já estão grossos. Quanto mais grosso estiver o esmalte, mais difícil será para que as bolhas cheguem à superfície para se desfazerem. Quanto mais novo for o esmalte, mais fino será, como consequência gerará menos bolhas. Se você tem um esmalte favorito que está grosso e não consegue encontrar um novo em lugar nenhum, sempre é possível optar por colocar 2 gotinhas de acetona/removedor de esmalte dentro do vidrinho. Esse procedimento enfraquece o vínculo entre o esmalte e a unha, logo o esmalte deve descascar mais rápido.

3) Mantenha sempre seu esmalte fechado. Algumas vezes deixamos os vidrinhos abertos e quanto mais ar entrar em contato com seu esmalte, mais grosso o mesmo ficará… gerando mais bolhas.

4) Base hoje, base sempre! Dificilmente aparecem bolhas em bases, o que faz dela ideal para começar o processo de evitar bolhas nas unhas.

5) Faça suas unhas em locais frescos e secos, se sua temperatura corporal estiver alta é maior a possibilidade de criar bolhas no esmalte. Molhar as mãos em água fria e secá-las antes de começar a pintura também é uma boa opção para as pessoas que tem temperaturas elevadas.

6) Se você é adepta a utilizar mais de uma camada de esmalte, sempre espere a primeira camada secar completamente. Se você não tem tempo para esperar o esmalte secar, tente optar em esmaltes de secagem rápida.

7) Levantar o pincel o menos possível. Na aplicação da primeira camada faça movimentos maiores com o pincel. Quanto menor o movimento, em mais partes do esmalte o ar entrará em contato. Se for para fazer retoques e acertos [que necessitam ser em pequenas pinceladas] faça na segunda camada.


De todas essas dicas algumas eu já conhecia e achei bastante útil conhecer algumas outras.

Vocês já conheciam essas práticas?

Indicam alguma técnica para evitar as irritantes bolhas?

Espero que tenham gostado!

Não esqueçam que sugestões de assuntos para falarmos são sempre bem vindos!

Beijos!
Anúncios

Um comentário sobre “Como evitar bolhas nos esmaltes

  1. Algumas técnicas eu já conhecia. Tem também o lance de comprar o spray que seca as unhas, mas não sei se realmente dá jeito. Só sei que essas bolinhas são irritantes! hehehe.Beijos, Gabrielle.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s